Bad Kitty é a gatinha típica: dorminhoca, comilona e muito, muito temperamental. E nem lhe falem em tomar banho. Como todos os gatos, isso é coisa para a deixar com os pelos em pé. Mas se insistem, o melhor é procurar os pensos rápidos e estacionar uma ambulância à porta... Banheira, armadura e toalhas prontas? Agora só falta encontrá-la.
Esta coleção infantil é um tremendo sucesso nos Estados Unidos! E não é para menos: com muito humor, divertidas ilustrações, uma história brincalhona e pequenas mas importantes dicas sobre gatos, os livros da série Bad Kitty são sinónimo de diversão garantida não só para as crianças mas para todos aqueles que gostam de gatos.
A Bad Kitty não fala, mas é muito expressiva. A maioria dos animais de estimação é assim, mas a gatinha inventada pelo americano Nick Bruel é demais! E para torná-la ainda mais engraçada, o seu criador coloca-a sempre no meio de alguma confusão. No primeiro volume da coleção, o problema é o banho. Quem tem um gato sabe o quanto esse momento é difícil, e por isso, enquanto narra a primeira aventura da Kitty o escritor dá também várias dicas de como deixar os gatos lindos, limpos e muito cheirosos.