Esta viagem de pesca de poemas, é de aventuras de sentimentos, de águas negras das profundezas do rio da vida. a almadia navega a vida, consigo leva algas negras emergidas, que ao longo do rio a almadia transporta suas pragas de sentimentos embaçados nos seus remos.
No silêncio das águas venenosas, os remos cantarolam levando a almadia mais adiante. Eu comparo a almadia neste contexto com o dia-a-dia de um individuo de sentimentos tenebrosos.
Este livro é um primogénito que nasce de um turbilhão de sentimentos que encaixei no decorrer do tempo. Inspirado na melancolia profunda assim como os diferentes paradigmas de emoções.